Get Adobe Flash player

Pesquisar este blog

quarta-feira, 6 de abril de 2016

OAB-PE e TCE fecham parceria em benefício do advogado.




A OAB-PE, por meio da Escola Superior de Advocacia (ESA) firmou convênio nesta terça-feira (05), com a Escola de Contas Públicas do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE) para cooperação técnica nas áreas de ensino e treinamento, inclusive no que diz respeito a iniciativas de atuação conjunta voltadas para a administração pública estadual e municipal. A parceria terá validade de 12 meses, com início a partir de sua publicação no Diário Oficial, e poderá ser prorrogada por termo aditivo, não podendo ultrapassar o prazo de cinco anos.
O convênio foi assinado na sala de reuniões do TCE pelo presidente da OAB-PE, Ronnie Preuss Duarte, pelo diretor geral da ESA-PE, Carlos Neves Filho e o conselheiro João Campos, diretor da Escola de Contas Públicas Professor Barreto Guimarães (ECPBG). A assinatura teve como testemunha o conselheiro e presidente do órgão, Carlos Porto.
“A parceria trará, ainda mais, benefícios para o advogado pernambucano que hoje já conta com uma gama de cursos presenciais e on line, entre outras atividades, oferecidas pela ESA. Agora, poderemos nos aprofundar nas áreas da administração pública estadual e municipal, possibilitando ao profissional o aprimoramento de seus conhecimentos”, disse Ronnie Duarte.
Pelo termo de parceria celebrado, toda e qualquer atividade decorrente deste instrumento – cursos, seminários, simpósios, oficinas, etc. -  deverá ter a concordância das partes envolvidas e nele constarão os objetivos e metas a serem alcançados, o cronograma de atividades, os recursos materiais e humanos, sua fonte de origem e as obrigações e responsabilidades de cada um dos parceiros.
“Esta é a primeira vez que se firma uma parceria entre as instituições. Um importante convênio que contará com a expertise da Escola de Contas nas áreas do Direito Público, Administrativo e Processo Administrativo. Isso será, sem sombra de dúvidas, um estímulo para os advogados que atuam nestes segmentos”, lembrou o diretor geral da ESA-PE, Carlos Neves.
Com informações da Gerência de Jornalismo do TCE

Nenhum comentário:

Postar um comentário