Get Adobe Flash player

Pesquisar este blog

sexta-feira, 1 de julho de 2016

Pesquisa para mapear perfil da advocacia feminina pode ser respondida até agosto.



As advogadas têm até o dia 5 de agosto para responder à pesquisa elaborada pela Comissão da Mulher Advogada da OAB-PE, fundamental para a criação do Plano Estadual de Valorização da Advogada Mulher, designado pelo Conselho Federal da OAB.
O questionário será divulgado, por meio do Recorte Digital, nesta sexta-feira (1º) e no dia 6 de julho.
Para colaborar, as advogadas devem acessá-lo e responder às questões a respeito de discriminação na profissão por ser mulher, assédio moral ou sexual no ambiente de trabalho e dificuldade em gozar licença maternidade, por exemplo.

A presidente da Comissão da Mulher da OAB-PE, Fernanda Braga Maranhão, explica que o censo das advogadas no Estado é importante para estabelecer quais são as prioridades. “A gente não pode elaborar um plano sem conhecer a realidade. Por isso, a Comissão da Mulher Advogada solicita especial atenção para o questionário, que servirá como ferramenta indispensável no mapeamento dos problemas”, ressalta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário